Terapia de Família

  • Juntos, terapeuta e família alçam voos rumo ao imponderável e ao imprevisível, contatando aquilo que traz as aberturas para as novas compreensões das relações familiares. A terapia familiar é um território para que cada um, adulto ou criança, se lance para novos voos e se aproprie de novos estados de ser e de relacionar.

    — Angela Scuoppo (2010, pg 159)
  • Porque terapia familiar?

    “Não chegaremos a compreender nem a psicologia da criança nem a do adulto, enquanto as consideramos apenas como assunto subjetivo do indivíduo, pois o mais importante é seu caráter de relacionamento uns com os outros.” Jung (1986, pg 43)

    Se entendemos uma família como um sistema, isto é, um grupo organizado, com regras, linguagens e modos de funcionar próprios, onde tudo se relaciona, todos podem contribuir na construção de novas possibilidades, diante da localização de um problema ou de uma questão a ser transformada.

    Quem busca um trabalho de terapia familiar?

    A terapia familiar pode ser procurada por casais ou por um dos membros da família que buscam um espaço de interlocução sobre as questões do próprio casal, da família, da educação dos filhos.

    Com que frequência acontecem os encontros e qual a duração?

    Os encontros costumam ser semanais, em sessões que duram 1h. Os acordos de continuidade ou frequência do trabalho são reestabelecidos de tempos em tempos, diante das demandas ou necessidades de quem busca a ajuda.